sábado, 29 de outubro de 2016

Bolachões: 6 anos na estrada tocando o melhor do Soundsystem





A Bolachões Soundsystem iniciou suas atividades em 2010, fundada pelo DJ Nader Arar que queria levar suas influências para o público, com o intuito de difundir o soundsystem no Distrito Federal. Seguindo a filosofia de Bob Marley que é transmitir a paz e o amor através das canções.

A Bolachões Soundsystem mistura elementos em uma viagem que vai do reggae, passando pelo Ska, Ragga, DUB, Drumbass até a música eletrônica.

No repertório músicas de Bob Marley, Alboroise, Don Carlos, Damian Marley, Massila Soundsystem, Tupac, Besteys Boys, Asisan Dub Fundetion ,Skazi, Rappers nacionais como GOG, Cambio Negro , DMC , Jah Jah Low , The Fugges , NWA  e varios outros .

A primeira apresentação da Bolachões Soundsystem foi no Teatro de Arena do Guará. Daí em diante o DJ Nader percebeu a boa recepão do público e levou o seu som para diversos lugares do DF, Entorno, por vários estados do país, chegando até a Argentina e Uruguai.

No distrito Federal o DJ Nader com seu Soundsystem já se apresentou no Satélite 61, Conexão Hip Hop, no Planetário, na Torre de TV, na Ermida Dom Bosco, na Granja do Torto, no Tagua Park, na Praça do Cruzeiro, no Parque do Bosque, no Parque de Águas Claras, no Parque da Cidade, no Parque Denner, Parque Ezequias Heringer, No Museu da República, na Fundação Palmares, na Esplanada, nos Setores Comerciais Sul e Norte, Setor Bancário Sul. Além das diversas praças do Guará, da Candangolândia, da Ceilândia, Braslândia e dos Olhos d´Água.

Entre esses eventos podemos destacar o grande número de eventos filantrópicos e as ações socias que a Bolachões Soundsystem tem participado. A ideologia social para o Dj Nader é de extrema importância.

A Bolachões Soundsystem já participou de diversos shows com artistas consagrados localmente e nacionalmente tais como: Ratos de Porão, Tihuana, Velhas Virgens, De Falla, Cidade Negra, Natiruts, Titãs, Criolo, B Negão, Raimundos, Nova Raiz, Mantendo Identidade, Jah Live, Dino Black e Gog......



O que é o Soundsystem?


Kingston, anos 50, a pobreza impera. As pessoas não tem dinheiro para comprar rádios e muito menos toca discos. Surgem então os Sound Systems, estruturas de som totalmente improvisadas, na rua, que reproduzem músicas para a galera.  Você ouve Jamaica e já pensa em reggae, porém os primeiros Sound Systems tocavam discos de Rhythm & Blues americanos. Somente nos anos 60, com a popularização do rocksteady, ska e reggae, os selectas (dj's dos sound systens), começaram a investir no estilo em suas playlists.

Nos anos 70, os selectas começaram a fazer versões dub das músicas que faziam mais sucesso e, algum deles, improvisavam com rimas faladas em cima das batidas.




Da Jamaica para o Mundo


Como a Jamaica passava por um período muito ruim de grana. Nos anos 70/80, muitos jamaicanos começaram a sair fora do país, buscando melhores condições de vida. Vários destes locais eram os selectas, que levavam em sua bagagem, vinis jamaicanos e toda experiência que um anfitrião das festas de rua tem.

O maior polo de imigração Jamaicano foi a Inglaterra e também os Estados Unidos, o que eu fez com que a cultura dos Sound Systems fosse fortemente inserida, principalmente na Inglaterra. Nos Estados Unidos, o Sound System ocasionou uma revolução nas periferias. Graças a isso, jovens americanos começaram a se interessar por comandar as festas e, misturando música daqui, música de lá, aumento de grave, diversos tipos de efeito, surgiu o Hip Hop, algo que também já falamos aqui.

O mais daora dos SoundSystems é que é tudo no improviso, o selecta decide na hora o que vai tocar e tem que ser ligeiro para trocar o disco. Quando a música é pedrada, o público responde com o grito “POW POW POW” e, quando é muito pedrada mesmo, o selecta dá o grito de “Rewind” e a música começa de novo. Isso mostra uma interatividade muito louca entre dj e público, coisa que não rola em outro tipo de festa.