quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Deputado Evangélico, apoiador de Bolsonaro, quer retirar R$ 1,4 bilhão do Fundo Constitucional do DF


Por pouco o Distrito Federal não perde R$ 1,4 bilhão do Fundo Constitucional a que tem direito. Só não perdeu porque, pouco antes de o texto ir a votação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, o deputado federal Izalci Lucas (PSDB-DF) correu ao plenário e pediu, encarecidamente, que a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) não fosse votada. Conseguiu retirar o assunto de pauta, no momento, mas o texto continua por ali. Izalci vai pedir que o autor da PEC, deputado João Campos (PRB/GO), retire definitivamente a proposta que passa recursos do fundo aos municípios do Entorno.

Em tempo: não é a primeira nem a última PEC que mira o Fundo Constitucional do DF. Diante da escassez de recursos, é bom a turma do “quadradinho” ficar de olho no fundo, que, este ano, prevê R$ 13,6 bilhões, dos quais R$ 10 bilhões já foram utilizados em saúde, segurança e educação.

Fonte: Denise Rottemburg